Congresso Catarinense de Obstetrícia e Ginecologia

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Versão brasileira do instrumento Maternal Satisfaction Scale for Caesarean Section e suas propriedades psicométricas

Introdução

Este estudo tem como objetivo a descrição das etapas de adaptação transcultural e validação da Maternal Satisfaction Scale for Caesarean Section e obtenção de um instrumento válido para aferição da satisfação materna da cesariana no contexto brasileiro.

Material e Método

O MSSCS-Br foi desenvolvido a partir de traduções iniciais, seguidas de síntese e compilação do instrumento, retrotradução e avaliação pelo comitê de especialistas. A versão pré-final foi testada em 10 pacientes e então submetida à amostra geral. A consistência da escala foi verificada pela técnica de teste-reteste e pelo coeficiente de correlação de Pearson. A confiabilidade foi estimada pelo coeficiente alfa de Cronbach geral e de seus fatores. O QoR-40 foi utilizado como instrumento de comparação. A análise fatorial exploratória avaliou o construto e dimensionalidade.

Resultados

O MSSCS-Br apresentou alto grau de confiabilidade quando aplicado em dois momentos dados os coeficientes de correlação encontrados. O gráfico de Bland Altman demonstrou pouca discrepância, evidenciando risco reduzido de respostas aleatórias. Os coeficientes de correlação item-total demonstraram valores individuais insatisfatórios para três itens na primeira aplicação, e dois na segunda, porém sua eliminação não trouxe importante elevação do alfa de Cronbach total, sendo possível manter os 22 itens. O índice Kappa e o coeficiente de correlação de Pearson entre o MSSCS-Br e o QoR-40 confirmaram a validade de critério.

Discussão e Conclusões

O MSSCS-Br é um instrumento de avaliação da satisfação geral da puérpera em relação à cesariana que contém 22 itens e se mostrou confiável e válido para o cenário brasileiro.

Palavras Chave

Palavras-chave: Cesárea; Estudos de validação; Parto; Satisfação do Paciente; Reprodutibilidade dos Testes.

Arquivos

Área

Obstetrícia

Instituições

UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA - Santa Catarina - Brasil

Autores

CATHARINA VOSS ANDRADE, RODRIGO DIAS NUNES, JEFFERSON TRAEBERT, ELIANE TRAEBERT